Duplo Poder

 

Presidente do Tribunal de Justiça. Des. Rodrigo Collaço, assume nesta segunda-feira o governo do Estado de Santa Catarine, em virtude de viagem de Eduardo Pinho Moreira à Europa.

Durante estes 10 dias, caberá ao governador em exercício sancionar a lei que cria novos cargos de assessores.

A criação dos novos cargos faz parte de profundas mudanças que começarão a ocorrer dentro do Poder Judiciário Catarinense num futuro muito próximo.

A equalização da força de trabalho, com a implementação do e-Proc, possibilitará a interligação de atividades, possibilitando que comarcas com menos cargas (se é que ainda existem) cooperem remotamente com comarcas sobrecarregadas. Esse é um dos motivos pelos quais jamais serão chamados novos concursados para cobrir o mesmo número de vagas em aberto.

A proposta é trabalhar com um quadro mais enxuto, com possibilidade de terceirização de funções não ligadas a atividade principal do judiciário (veja-se o exemplo da gráfica do TJ), valorizando-se os servidores do quadro, tanto financeiramente, como através de cursos de capacitação.

A percepção da administração é, por exemplo, que com um trabalho de qualidade e valorizado, muito menos processos cheguem também ao TJ para análise (recursos), evitando-se retrabalho, com dispêndio de tempo, energia e dinheiro.

É certo que um novo tempo está chegando e, para tanto, precisamos ficar atentos, apresentando, enquanto instituições representantes dos servidores, projetos que garantam, em conjunto, a valorização financeira, sem a qual, nenhuma outra será eficiente e eficaz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.