Notícias de Fim de Ano

Temas sugeridos pelas associações e Sindojus tem boa repercussão junto ao Tribunal e servidores nas comarcas.

A recuperação da data-base de 2020 e a concessão da data-base de 2021, a partir de maio, mesmo que de forma parcelada, como ocorreu em anos passadas reverberou positivamente no Tribunal e nas Comarcas como um todo. Da mesma forma, obteve boa repercussão a continuidade da contagem do tempo para aquisição de direitos.

Seguindo nessa linha de buscar soluções inovadoras, na semana que passou, formulamos pedido e encaminhamos para estudo uma proposta de alteração na RESOLUÇÃO GP N. 25 DE 20 DE JULHO DE 2009, que dispõe sobre as consignações em folha de pagamento de magistrados e servidores ativos e inativos do Poder Judiciário de Santa Catarina e estabelece outras providências. Nesse sentido, com a colaboração de nossos colegas servidores, acrescentamos mais um parágrafo ao artigo 4º da referida resolução, possibilitado a flexibilização para a negociação de consignados entre uma instituição e outra.

Nossa expectativa de uma boa análise dessa modificação é alta em virtude de que muitos juízes e Desembargadores estão entre os mais de dois mil servidores que hoje estão com a margem comprometida.

Outro ponto dialogado com a administração e que ficou pendente para o próximo ano é a questão de retomar o plano de equiparação de níveis, paralisado em virtude dos inúmeros percalços desse ano. Esse é um tema que voltaremos a tratar num outro momento.

AVISO: A PARTIR DO PRÓXIMO ANO A ATJ ESTARÁ EM UM NOVO ENDEREÇO E EM UMA NOVA PLATAFORMA QUE SERÁ DIVULGADO COM ANTECEDÊNCIA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.