Convite

Neste segundo semestre de 2021 o Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina elegerá o Corpo Diretivo para o biênio 2022/2024. Nesse sentido, recebemos correspondência da composição encabeçada pelo Desembargador João Henrique Blasi com a composição da chapa: João Henrique Blasi (Presidente), Altamiro de Oliveira (1º Vice-Presidente), Denise Volpato (Corregedora-Geral da Justiça), Getúlio Corrêa (2º Vice-Presidente), Newton Varella Júnior (3º Vice-Presidente) e Rubens Schulz (Corregedor-Geral do Foro Extrajudicial). Caso eleitos, propomo-nos a realizar uma gestão participativa, dinâmica e de valorização do quadro de Servidores, fomentando canais de participação, tanto pela via direta como sindical e associativa.

Nesse passo a ATJSC foi convidada a apresentar sugestões, conforme segue:

“Assim, com o objetivo de ouvir anseios e reclamos para definir as prioridades do Plano de Gestão a ser proximamente apresentado, pedimos sua indispensável contribuição.”

A Direção da ATJSC já está se mobilizando no sentido de apresentar propostas que atendam aos anseios da nossa categoria.

6 comentários em “Convite”

  1. A PROPOSTA QUE REALMENTE INTERESSA A TODS TJAS É O NIVEL SUPERIOR, HOJE QUALQUER CONCURSO PARA AS CATEGORIAS EXIGEM NIVEL SUPERIOR EX. POLICIA CIVIL, MILITAR ETC…

  2. Existem vagas não preenchidas atualmente, principalmente no que tange ao cargo de técnico judiciário. É bastante desanimador para quem fez o último concurso e aguarda o andamento das nomeações.

    1. Bom dia! Em função do cumprimento de lei federal que proibiu novos gastos, possivelmente o chamamento de número maior de servidores só ocorrerá em 2022.

  3. O TJSC através de seus funcionários vem batendo recordes de produtividade, ganhando medalhas, selos, diplomas, aplausos dentre outros, porém seus servidores (em especial os Técnicos Judiciários) amargam os mais baixos salários da categoria em nível federal e até mesmo em relação a outros servidores de outros Órgãos Estaduais. A dedicação está dando lugar ao cansaço e ao desânimo. Quando isso se propagar como um vírus não terá mais volta. A mão de obra qualificada irá migrar para outros lugares. Favor, transmita este descontentamento aos candidatos/interessados. Obrigado.

    1. Bom dia, Jean! Esse seu posicionamento, que reflete sem dúvida o entendimento de quase que a totalidade dos servidores TJAs, já foi transmitida aos presidenciáveis, inclusive, estamos encaminhando na próxima semanas, uma minuta que aponta possíveis soluções para a categoria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *